Entenda o que é Síndrome da Banda Iliotibial?

Síndrome da Banda Iliotibial (ou Joelho do Corredor)



O que é SÍNDROME DA BANDA ILIOTIBIAL?


Primeiro precisamos entender o que é o Trato Iliotibial. Nada mais é do que uma banda de tecido fibroso (fáscia) na lateral da coxa, onde se insere o músculo tensor da fáscia lata e outros músculos da coxa são protegidos.

A SÍNDROME DA BANDA ILIOTIBIAL, também conhecida como JOELHO DO CORREDOR, é uma das queixas mais comuns nos praticantes de corrida de rua, e cursa como uma dor lateral no joelho. É mais comum em atletas de esportes que têm movimentos repetitivos de flexão do joelho, como a corrida e o ciclismo.

O que causa a SÍNDROME DA BANDA ILIOTIBIAL?


A síndrome se apresenta quando o paciente sente dor na lateral do joelho, que ocorre por fricção da banda iliotibial com uma proeminência óssea chamada de epicôndilo femoral lateral.Dentre as várias causas de dor lateral nos joelhos (sempre consulte um ortopedista especialista em joelho para ter uma avaliação correta e um diagnóstico adequado!), temos a síndrome do atrito da banda iliotibial, que se caracterizada por uma dor na face lateral do joelho, geralmente iniciada apenas após algumas semanas ou meses de treino, cuja intensidade começa a ficar maior do que o preparo físico do atleta (paciente).A dor pode estar relacionada ao encurtamento muscular dos membros inferiores, dismetrias (diferença de comprimento entre os membros), pisada pronada, desvio em varo (para fora ou o famoso “joelho de alicate”) do joelho, dentre outras causas, associadas ou não.A SÍNDROME DA BANDA ILIOTIBIAL acaba se tornando um verdadeiro pesadelo para aqueles que gostam de correr! Se não levada a sério, pode afastar o indivíduo dos treinos, assim como de competições alvo.

Como é feito o diagnóstico da SÍNDROME DA BANDA ILIOTIBIAL?


O diagnóstico da SÍNDROME DA BANDA ILIOTIBIAL é clínico!!! Ou seja, é identificada através do exame físico realizado por um ortopedista especialista em joelho. Mas por vezes lançamos mão de algum exame de imagem complementar para confirmar ou afastar outra suspeita diagnóstica! O exame de imagem mais fidedigno acaba sendo a ressonância magnética, apesar de nem sempre mostrar uma imagem muito clara do problema (ou seja, ser um exame falso negativo).

Como é o tratamento da SÍNDROME DA BANDA ILIOTIBIAL?


O tratamento é baseado no controle da dor e melhora da sobrecarga, abordando condutas fisioterapêuticas analgésicas como gelo (crioterapia), técnicas de alongamento e liberação miofascial.Além disso, após alívio parcial ou total dos sintomas, uma avaliação biomecânica deve ser feita, objetivando um melhor alinhamento de todo o membro inferior durante a prática da atividade física.Na maioria dos casos, um protocolo de fortalecimento muscular seguido de técnicas analgésicas e de liberação miofascial lateral podem resultar em resolução completa do quadro em algumas semanas.Existem sim outros tipos de tratamento, e a sua condução deve ser individualizada para cada paciente.

Portanto, não deixe de procurar um ortopedista especialista em joelho e credenciado pela SBCJ (Sociedade Brasileira de Cirurgia do Joelho). Clique aqui para ter acesso à lista dos membros titulares.

O Dr Saulo Castro é Especialista em Cirurgia de Joelho, lesões esportivas, assim como na SÍNDROME DA BANDA ILIOTIBIAL.

Quer ler mais sobre um dos possíveis tratamentos da SÍNDROME DA BANDA ILIOTIBIAL? Leia em Clique aqui

Após qualquer procedimento cirúrgico,
o paciente recebe o número do celular pessoal do Dr Saulo Castro

Ortopedista em Brasília : Veja porque escolher o Dr Saulo para cuidar da sua saúde

 
 
 
 
MARCAR CONSULTA